quarta-feira, 14 de maio de 2014

It´s Overshot, baby!

"Overshot" é o nome de uma estrutura em tecelagem, que produz um tipo de tecido com relevo marcante, uma vez que sua característica é passar o fio da trama por cima de vários fios da urdidura. Tal movimento produz um tipo de desenho, que combinado à cores e tipos de fios, fica bastante evidente. Esta estrutura é a base dos famosos repassos mineiros, que em breve será tema de alguns posts aqui.
Bem, para meu primeiro "overshot", escolhi um desenho do livro de Marguerite Davison "A Handweaver Pattern´s Book", para a confecção de um cachecol, e para evidenciar bem  o relevo, resolvi trabalhar com fio bouclé na trama, e fio liso na urdidura. Montei o gráfico esperado do que pretendia fazer:


Aqui está representada a sequência da urdidura passada pelos quatro quadros de liços (horizontal, em cima), e a sequência a seguir da trama (vertical, lado direito), que deve ser lida de cima para baixo. A sequência de pedaladas está representada no quadro de bolas à direita em cima. Cada passada do fio da trama deve ser repetida na mesma pedalada em um certo número de vezes, de acordo com o esquema abaixo:
"Plain weave" quer dizer ponto tela, e está representado pela sequência 1/3 e 2/4. Para tecer em overshot, deve-se ter duas navetes, uma com o fio que vai tecer o relevo, e outra com um fio liso mais fino, na maioria das vezes o mesmo da urdidura, para servir como "fio de ligação" entre uma passada e outra do fio do relevo. Este fio de ligação é necessário para que a estrutura não fique instável e acabe com buracos ao longo do trabalho. Para passar o fio de ligação, deve-se tecê-lo em ponto tela, o que normalmente é feito nas posições 1/3 e 2/4 (pedais 1 e 3 juntos) (pedais 2 e 4 juntos). 
O fio do relevo, que no meu caso foi o fio bouclé, foi passado de acordo com a sequência acima:  3 vezes na posição 4/3, 3 vezes na posição 3/2, e assim por diante. A cada 1/2 duíte, foi passado o fio de ligação.
Deste modo, para facilitar o entendimento: O trabalho começa com dois pedais ou alavancas acionados (3 e 4); faz-se a primeira passada do fio do relevo. Os pedais ou alavancas são trocados para 1 e 3; passa-se o fio de ligação. Volte para a posição 3/4 novamente e passe o fio do relevo; troque a posição dos pedais para 2/4, e passe o fio de ligação; volte para a posição 3/4 e passe mais uma vez o fio do relevo; volte para 1/3 novamente e passe o fio de ligação. Continue a seguir o gráfico, sempre alternando fios de ligação com fio do relevo.

E agora, o resultado:






A peça ficou super macia, e bem quente. O resultado superou minhas expectativas, mesmo. E agora, preparar-me para o próximo...
Ah, sim: meu lindo tear de pedal chegou!!!!!



2 comentários:

  1. Gostei muito...seguindo,me siga também:
    www.drikabrito.blogspot.com.br
    Curta a fanpage:
    https://www.facebook.com/DrikaPersonalStylist?ref=hl
    Bjis

    ResponderExcluir
  2. Olá sou da agenda de blogs e amei seu blog já estou seguindo
    visite-me http://dinhamodas10.blogspot.com.br/
    estou sem foto procure pelo nome bjs.

    ResponderExcluir