quarta-feira, 12 de fevereiro de 2014

Interlace

Acho que já andei falando de interlace por aqui, e é o tipo de trabalho que gosto demais, justamente por ser fácil e de efeito encantador. Desta vez, resolvi tirar algumas fotos do processo, para demonstrar como pode ser interessante ver duas cores se encontrando, se entrelaçando e voltando aos seus lugares de origem. O resultado parece uma pintura, mesmo, muito bonito de ver.

Eu comecei com uma urdidura no tear de pente liço, onde já estava o resto de um trabalho anterior, em linha Anne marrom. Escolhi, então, dois fios da Linea Italia (Allegro), em cores vivas e trabalhados em bouclé, bastante irregulares, um em tons de terra e laranja, e outro em tons de limão e marrom claro. Individualmente são bem diferentes, e talvez uma outra padronagem não os tornasse tão complementares, mas o interlace realmente "casou" as duas cores e está produzindo uma estampa única. Resumidamente, seguem as etapas do processo:


Aqui mostrando a urdidura que usei , toda em marrom, liso.



A foto mostra o trabalho já adiantado. Deve-se encher duas navetes, cada uma com uma das cores escolhidas, que partem de lados opostos no trabalho. Neste caso, a navete laranja parte da esquerda, enquanto que a navete verde claro parte da direita.



Em algum ponto do caminho, os dois fios se encontram. Veja que nesta foto, o fio verde passa por cima do laranja, mas o contrário também pode ser feito.

Levei as navetes para o centro novamente e entrelacei os fios, passando o fio verde por baixo do laranja, e voltei com as mesmas, do centro para fora. Veja que os fios se duplicam agora. Bati o pente e acertei as duítes. A cada mudança da posição do pente (embaixo ou em cima), eu repetia os mesmos movimentos, procurando entrelaçar os fios em posições diferentes (foto 2)


Depois de algum tempo, resolvi mudar as cores de lado. Bati o pente sem entrelaçar.



Mudei a posição do pente, e então continuei a executar o interlace conforme já havia feito anteriormente.


E continuo, agora com as cores trocadas.


Ainda não terminei este tecido, mas a idéia é que vire uma bolsa para ser usada em transversal. Mais fotos, logo, logo!

Um comentário: